h1

Novas notícias

20 de janeiro de 2010

Chegamos ao Brasil. Alguns de nós já se encontram com suas famílias e outros estão em Campinas.

Queremos agradecer imensamente àqueles que demonstraram preocupação e interesse na situação do grupo e mais ainda a nosso colegas e amigos haitianos e brasileiros que estiveram conosco nos dias após o desastre.

Apesar de termos chegado há pouco tempo, já estamos trabalhando em direção à consolidação de um novo site. A ideia é que proporcionemos, mais ainda, uma fonte de informação alternativa, acompanhando os acontecimentos no Haiti e em contato direto com intelectuais, amigos, acadêmicos e publicistas haitianos.

Outra iniciativa que pretendemos desenvolver já neste momento é de pensar, junto às universidades do Estado de São Paulo, medidas que facilitem a vinda de estudantes haitianos para estudar no Brasil, já que a principal universidade do Haiti veio a baixo e o esforço destes jovens haitianos é fundamental para a reconstrução do país.

Infelizmente, tivemos agora a notícia de um novo terremoto, de escala 6.0. Tivemos contato com alguns de nossos amigos, principalmente os que estão hospedados na casa do Viva Rio. A casa ainda está de pé e eles estão bem. No entanto, há muitas pessoas que ainda não conseguimos contatar.

O Haiti está vivo.

Anúncios

23 comentários

  1. Parabéns pessoal, ficamos felizes por vocês estarem bem e em casa!!! Continuem nos mantendo informados por favor!!! Desejamos nova vida para o Haiti.


  2. Que bom que vocês estão bem… e seguem com a mente de que nada acabou, só está começando. Se precisarem de ajuda em alguma divulgação, posso ver pra vocês se consigo algo na TV Aparecida, sem custo.


  3. Acabo de ler, com horror, que a Royal Caribbean está fazendo um cruzeiro para o Haiti, supostamente para o lado norte da Ilha de Hispaniola, onde há um resort 5 estrelas. Aparentemente o resort está há 100km de Port-au-Prince e os passageiros poderão “fazer doações” para uma ONG.

    Não é possível que uma situação dessas vá passar em branco pela mídia. É o turismo da miséria, é tratar o povo haitiano como se fossem habitantes de um zoológico para quem se pode jogar uma banana ou um pouco de ração. É imoral, é nojento e inaceitável.


  4. Olá pessoal, nunca comentei mas li o blog inteiro e dou os parabéns à força, à sensibilidade e ao esforço de vocês em apoiar o Haiti.

    Em vez de criar um novo site, sugiro que vocês vejam esse daqui: http://www.haiti.org.br. Foi criado por jornalistas (um deles inclusive já esteve no Haiti) para tentar reunir informações e formas de ajudar o país. É um projeto coletivo e colaborativo que já tem a estrutura tecnológica, tenho certeza que vocês podem aportar muito esse trabalho, e vice-versa. Se precisarem de um contato direto é só me enviar um e-mail.


  5. Que bom que estão de volta! Vocês poderiam marcar uma reunião na Unicamp para apresentar a experiência de vocês e para nos organizarmos com as possíveis formas de ajudar. O que acham? Abraços!


  6. olá. é um belo trabalho o de vocês. o melhor é que não pretender parar com a iniciativa. não é porque estão seguros no brasil que vocês vão se ausentar nas ajudas de reconstrução e reabilitação dos jovens de lá.

    minha família está para adotar uma criança há um tempo e esse é o momento certo. gostaria de saber se a ong “viva rio” tem alguma relação com as questões adotivas, com a unicef ou com a vara da infância e da juventude, de forma que pudesse me passar informações ou me orientar a respeito do primeiro passo para a adoção.

    muito obrigada. vocês são demais. são comoventes atitudes assim. muito obrigada mesmo.


  7. Meus Caros! Estou sem palavras! Que fantástico que vocês estão bem! 🙂


  8. Acabei de encontra o Marcos Pedro, e fiquei feliz em vê-lo bem! Espero que todo o restante do grupo tenha bons dias de descanso, pq tal experiência com certeza o exige. Parabéns, pelo trabalho!


  9. Meus caros,
    fico contente em saber que voces chegaram bem. E mais ainda em em saber (na verdade, sempre soube) que voces continham empenhados.
    tenho acompanhado o blog. Enviei dois comentários, mas nao estou segura que tenha chegado. mas entao, apenas para reforçar: importante, urgente, e impressionante, tudo o que voces estao mostrando, discutindo e tudo o mais.
    abraco caloroso em todos voces,
    e um especial para meu querido amigo Omar,
    Vera


  10. É hora do Brasil deixar de ficar voltado para a Europa e América do Norte dando as costas à América Latina.
    É hora de compartilhar com o Haiti o que ainda temos em todas as áreas do conhecimento e formação de profissionais. Vagas nas universidades podem ser importantes nesse momento. Haitianos tem direito à soberania e atuação no desenvolvimento justo de seu país.


  11. Sejam bem vindos. Imagino que devem estar de coração apertado, mas aliviados ao lado de seus familiares. Fico feliz que estejam bem, e pensam que por menor que vocês fizeram por lá, foi o maior que puderam ter feito. Não há derrotas, nada acabou, houve uma interrupção, um “acidente” de percurso, e que vocês aprenderam por demais, creio eu. Continuem lutando, gerando os debates. Vocês foram de grande valia, acreditem.
    Abraços.


  12. Sejam bem vindos. Tenho acompanhado o blog de vocês e hoje resolvi deixar minhas saudações. Gostei muito da idéia de trazer os jovens haitianos para estudar no Brasil. Sou estudante de história na UFAL. Se precisarem de alguma ajuda, podem contar comigo.


  13. Estava ansiosa para saber se vocês já tinham chegado ao Brasil. Graças a Deus chegaram! Imagino que devem estar um tanto quanto confusos com tudo que viveram tão intensamente nesses dias. Mais uma vez agradeço muito as informações obtidas através de vocês e fico feliz por saber dos novos projetos que estão pra ser desenvolvidos.
    Fiquei boladíssima com mais um terremoto hoje por lá, mas ao mesmo tempo mais tranquila porque todos estavam em alerta para futuros abalos, então menos chances de vítimas.
    Fiquem com Deus


  14. Voltei ao blog de vocês depois de ver as últimas notícias sobre o novo terremoto.
    Parabéns pelo trabalho, pela coragem de revelar tantas verdades…


  15. Que bom que vcs chegaram bem.
    Acho a iniciativa de ajudar os estudantes Haitinos maravilhosa. Tenho certeza que vcs vão encontrar apoio nesse projeto.
    Boa sorte a todos!


  16. Pessoal, li todos os posts de vocês e me emocionei com a força dos relatos. Foi bom tê-los por lá, mas é melhor ainda tê-los de volta.
    Sejam bem vindos!

    Karina
    Doutoranda em Antropologia Social – UFSCar


  17. Parabéns pelo belo trabalho desenvolvido por seu grupo de estudantes no Haiti. Fico feliz de saber que esse trabalho vai continuar pela internet, pois me interesso muito pelo exemplo do Haiti como país vitimado pela ganância de certa comunidade internacional. Não sou chavista nem obamista, apenas creio que o Haiti merece preservar sua soberania acima de tudo, é um direito internacional básico, e isso lhe vem sendo negado desde sua origem como nação. Acho corretíssimo vcs se preocuparem com a educação universitária de jovens haitianos. Educação é o melhor investimento de uma nação, e sua promoção é a melhor maneira de um país colaborar com outro, além do comércio equilibrado entre as partes. Chega de opressão aos haitianos. Abaixo a exploração pelos EUA, França, Brasil e outros candidatos a tutores dessa resistente nação.


  18. Parabéns!Turma Antropologia (Comunistas enrustidos de pesquisadores Unicamp)Conseguiram bastante notoriedade com essa desgraça no Haiti.Agora,podem criar outro site,ou ONG humanitária, talvez traga retorno econômico ao Grupo. Coitada da mulher do Embaixador,Vocês, sem nenhuma responsabilidade colocaram ela no Olho do Furacão. Vocês, simplesmente omitiram que Ele (embaixador brasileiro) não estava no Haiti e que nossa Embaixada estava completamente arruinada,destruída como tudo lá,sem condições de abrigar ninguém.
    Que tal agora, fazer a próxima pesquisa antropológica no Paquistão ou Iemen?
    Sucesso Turma, aproveitem a fase de notoriedade.


    • vc é um doente mental???? De onde veio????


  19. Daremos todo apoio a um site que reuna informações sobre o Haiti de pessoas que lá estiveram e que não aceitem a versão militar da história


  20. Parabéns, Omar e alunos! Vocês foram um exemplo de dignidade, inteligência, coragem e sensibilidade, nesse momento trágico.
    A idéia de acolher alunos do Haiti é muito boa, vamos conversar sobre isso quando a situação estiver mais calma.
    Um forte abraço,
    Jorge


  21. Olá,
    Se vcs criarem um site divulgem neste blog, seria muito isso acontecer…
    O Trabalho de vcs é muito importante para tds, vcs na condição de estudantes, professores e pesquisadores tem suas atribuições muito além, vcs sao Formadores de opniões!!! Acompanhei dia a dia o q vcs postaram no blog, e espero que continuem pesquisando sobre o Haiti, como se serão as ajudas a este povo, a atuação do Brasil, Estados Unidos e outros paises no Haiti, o que vcs escrevem nos é muito importante,vcs não teem medo de descrever a realidade, gostei muito da forma veradeira e direta q escreveram sobre nossa “Amável embaixatriz”, sobre a atuação do Brasil naquele País.
    Parabéns pelo trabalho de vcs!!!
    É de “formadores de opiniões” como vcs q nossa sociedade necessita!!!


  22. Parabéns pessoal pela visão realista .



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: